Encontros de Pentecostes marcam mês de maio no estado do Maranhão

altA RCC do Maranhão realizou nos últimos dias vinte encontros de Pentecostes em todas as 12 dioceses do Estado. Os dois últimos aconteceram nesse final de semana, dias 30 e 31 de maio: o Vinde a Mim, de São Luis, e o Encontro de Pentecostes, de Açailândia. O Vinde a Mim é o maior e mais antigo encontro de Pentecostes do Maranhão. Ele é promovido pela RCC da Arquidiocese de São Luis e está na 24ª edição.

Para o Presidente do Conselho Estadual da RCC Maranhão, João Luiz Everton Farias, os Encontros de Pentecostes são momentos para reavivar a espiritualidade do movimento e de muitas graças em todo o estado, momentos oportunos para se pedir a graça do Espírito Santo e a multiplicação dos grupos de oração. “Eu vejo que a cada dia, a Cultura de Pentecostes vem sendo semeada com maior profusão não só dentro do movimento, mas em toda a Igreja. E esse é o objetivo da Cultura de Pentecostes, fazer com que mais e mais pessoas sejam tocadas e transformadas”, partilha.

Ele diz ainda que o sentido de Pentecostes para os fiéis, enquanto membros da Renovação Carismática Católica está ligado a fazer com que as pessoas tenham a linguagem do amor e possa viver sob a graça do Espírito Santo em suas próprias vidas. “Se vivemos pelo Espírito, nós devemos, também, andar pelo Espírito. E isso, o Batismo no Espírito Santo, a Cultura de Pentecostes, faz em nossas vidas. Faz com que possamos viver e andar no Espírito Santo”, enfatiza o presidente do Conselho Estadual.

João Luiz Farias, que pertence a Arquidiocese de São Luís do Maranhão e participa do Grupo de Oração Estrela da Manhã, foi um dos pregadores do 24º Vinde a Mim, evento que reuniu mais de 3.000 pessoas durante o final de semana. Ele, a esposa Lucilene e as filhas, Ana Carolina e Ana Gabriela, testemunharam a importância do Espírito Santo para as famílias, durante sua pregação. Foi um momento de testemunho de fé e ação do Espírito. João Luiz passou por um procedimento cirúrgico, na segunda-feira, dia 25 de maio, na qual colocou dois stents no coração. Segundo ele, estar celebrando Pentecostes foi literalmente, celebrar a graça de uma vida nova e de um Novo Coração (cf. Ez 36,26).alt

Completando 35 anos de presença no estado do Maranhão, a RCC tem experimentado um momento de amadurecimento das lideranças e um renovar das forças. Durante o Vinde a Mim, padre Alberto Gambarini, apresentador do programa Encontro com Cristo, na Rede Vida de Televisão, e pregador em vários encontros nacionais da RCC, desde o surgimento do movimento no Brasil, conclamava os participantes do evento a não deixarem de levar a Palavra de Deus para o Grupo de Oração e afirmava aos participantes: “O grupo de oração é a nova sala do Cenáculo de oração!”.

Curas e conversões foram proclamadas durante os dois dias de evento e um dos elementos que mais marcou foram a presença de várias gerações, casais e famílias inteiras, testemunhando as graças do Batismo no Espírito Santo em suas vidas. Não somente no Vinde a Mim, mas em todos os Encontros de Pentecostes do estado do Maranhão.

A missa de encerramento do Vinde a Mim foi presidida por Dom José Belisário, OFM, arcebispo de São Luis. Ele parabenizou a RCC pelo evento e pelo trabalho desenvolvido e abençoou com o desejo de que continuassem a ser sinal de Pentecostes no mundo.

Dioceses do Maranhão

O Estado do Maranhão possuem 12 dioceses: a arquidiocese de São Luis, sede da província, e as dioceses de Bacabal, Brejo, Balsas, Carolina, Caxias do Maranhão, Coroatá, Grajaú, Imperatriz, Pinheiro, Viana e Zé Doca. Elas formam o regional Nordeste V da CNBB.

Fonte: Ministério de Comunicação Social da RCC Maranhão


Leia mais sobre Eventos Estaduais