“Eis que estou à porta e bato” (Ap 3, 20)

alt

Confira a carta 06/2018 à Renovação Carismática Católica do Brasil, escrita pela presidente do Conselho Nacional da RCC, Katia Roldi Zavaris. Bimestralmente, as cartas da presidente apresentam partilhas e direcionamentos espirituais para o trabalho de evangelização realizado pelo Movimento. Na carta de fevereiro e março, Katia partilha sobre o tema do ano, por isso, é muito importante que você compartilhe este documento com seus irmãos de Grupo de Oração e diocese.

-------------------------------

 

CARTA À RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO BRASIL

 

“Eis que estou à porta e bato”  (Ap 3, 20)

Doc. 06/2018

 

Vitória /ES, 15 de fevereiro de 2018.

 

 

Amados irmãos e irmãs da família Carismática do Brasil!

 

O nosso Encontro Nacional de Formação (ENF) de 2018, no Centro de Evangelização na Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP), foi uma chuva de graças sobre a família carismática do Brasil, com momentos de aprendizado, partilha, oração, louvor e muita alegria! Estamos entrando num tempo de primavera na Renovação Carismática Católica, em um tempo todo novo, conforme promessa de Deus durante o Ano Jubilar Mundial.

Em nosso ENF experimentamos um poderoso Pentecostes que certamente atingirá toda a nação brasileira. Com a inspiração que está em Apocalipse 3, 20, ouvimos Jesus nos dizer: Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e me abrir a porta, entrarei em sua casa e cearemos, eu com ele e ele comigo. Com esta Palavra, que é o tema da RCCBRASIL para 2018, o Senhor nos mostra que está bem perto de nós e aguarda nossa decisão de abrirmos o nosso coração inteiramente a Ele, à sua Palavra, aos seus ensinamentos. Ele bate à porta em busca de uma profunda comunhão conosco em vista da nossa salvação.

Fundamental é não adiar a resposta que Jesus aguarda de cada um de nós. Ainda que a casa não esteja bem arrumada, limpa e com os problemas corrigidos como gostaríamos, visto que este é um momento único da graça de Deus. O necessário para abrir a porta de nosso coração é a esperança, pois é a partir de um coração aberto para Jesus Cristo que cada um de nós vive o milagre do Reino de Deus, já aqui na terra, e experimenta a esperança da realização eterna.

“A virtude da esperança responde à aspiração de felicidade colocada por Deus no coração de todo homem; assume as esperanças que inspiram as atividades dos homens; purifica-as, ordenando-as ao Reino dos Céus; protege contra o desânimo; dá alento em todo esmorecimento; dilata o coração na expectativa da bem-aventurança eterna. O impulso da esperança preserva do egoísmo e conduz à felicidade da caridade” (Catecismo da Igreja Católica, §1818).

 

“... E a esperança não engana. Porque o amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado” (Rm 5, 5).E foi assim que nos sentimos no ENF 2018, muito amados por Deus! A Ele toda a honra e toda a glória!

Entramos também na segunda etapa do triênio preparatório para o Jubileu de 50 anos da RCCBRASIL, quando estaremos vivenciando a ação que é característica fundamental da pessoa que foi verdadeiramente batizada no Espírito Santo: A CONVERSÃO SINCERA. A igreja nos ensina, em seu Catecismo, número 1699, que “... a vida no Espírito realiza a vocação do Homem”, isto é, o Homem se torna inteiro, plenamente feliz e verdadeiramente livre se vive no Espírito, segundo o Espírito Santo.

Neste ano em que a Igreja do Brasil celebra o ano do laicato, a Renovação Carismática Católica propõe a seus membros que deem testemunho da Efusão do Espírito Santo, a partir de uma vida transformada, a partir de um testemunho autêntico de “vida no Espírito”, para com isso serem “Sal da Terra e Luz do Mundo” (Mt 5, 13-14).

Entramos no tempo quaresmal, que é um tempo de intensa conversão ao Cristo que nos ama, quando somos convidados a revisão de nossa vida, no desejo de superar aquilo que não está de acordo com o que Jesus nos pede e nos ensinou.

Nos próximos dias do mês de fevereiro de 2018, a Renovação Carismática Católica do mundo celebra os seus 51 anos. Este é um tempo pós-jubilar em que o Senhor faz promessas, contudo também aguarda de nós uma nova postura, uma nova atitude. Recordamos aqui a palavra profética de Patti Gallagher Mansfield, que nos indicou três atitudes que o Senhor espera de nós: docilidade, obediência e .

Que possamos todos dizer como Nossa Senhora: “Faça-se em mim segundo a Tua palavra” (Lc 1, 38).

Que Deus abençoe a todos nessa caminhada rumo à vontade do Pai!

 

Abraços fraternos,

Katia Roldi Zavaris

Presidente do Conselho Nacional da RCCBRASIL


Leia mais sobre Carta aos carismáticos