Clássico “A Cruz e o Punhal” é publicado pela Editora RCCBRASIL em edição especial

alt

“Irmãos e irmãs, leiam este livro! Leiam com ânsia e desejo. Abram seus corações sem limites ao Senhor, pois “Ele dá o Espírito sem medida” (cf. João 3.34). Vocês brasileiros são tão criativos ao evangelizar! Que esta nova edição do livro A Cruz e o Punhal traga consigo um novo derramamento do Espírito Santo! Que Maria, Mãe do Senhor, presente em Pentecostes, seja nosso modelo em tudo o que temos pela frente”

(Patti Gallagher Mansfield, no prefácio da edição especial da RCCBRASIL).

 

A Editora RCCBRASIL lançou no sábado (28) uma edição especial do livro “A Cruz e o Punhal”, do pastor americano David Wilkerson. O livro constitui uma parte importante da história do surgimento da Renovação Carismática Católica do mundo, quando em 1967, um grupo de jovens universitários católicos experimentou o batismo no Espírito Santo, em um retiro espiritual realizado nos dias 17, 18 e 19 de fevereiro de 1967, na Universidade de Duquesne (Pittsburgh, Pennsylvania, EUA).

Para participar desse retiro de oração, que teria como tema a pessoa do Espírito Santo, os jovens foram convidados a se prepararem de três formas: rezarem com fé expectante, fazerem a leitura dos quatro primeiros capítulos do livro dos Atos dos Apóstolos e fazerem a leitura do livro “A Cruz e o Punhal”.

No prefácio dessa edição especial, Patti Gallagher Mansfield, uma das participantes do Retiro de Duquesne, descreve detalhadamente sobre a experiência pessoal que teve com o livro e sobre a importância dele como um dos componentes da programação do final de semana histórico e marco do início da Renovação Carismática Católica. “Posso dizer com toda a sinceridade que depois da Bíblia e da Autobiografia de Santa Teresinha, nenhum outro livro causou maior impacto na minha vida do que ‘A Cruz e o Punhal’ de David Wilkerson!”, relata Patti.

A edição especial lançada pela RCCBRASIL conta com a apresentação de Dom Alberto Taveira Corrêa, arcebispo de Belém do Pará e assessor eclesiástico da Renovação Carismática Católica do Brasil que testemunha o benefício da leitura e, mais que isso, indica-o como estímulos aos Grupos de Oração e membros do Movimento:

“A Cruz e o Punhal, de David Wilkerson, publicado no Brasil pela Editora Betânia, fez tanto bem a tantas pessoas, cuja descoberta e experiência do Batismo no Espírito Santo transformou profundamente suas vidas e continua a fazê-lo. Reler este texto me fez voltar às origens da Renovação Carismática Católica, quando tive a graça de conhecê-la e verificar sua potência evangelizadora. Ao apresentar esta nova edição de A Cruz e o Punhal, manifesto a certeza de que fará bem a tanta gente. Todo o texto, de forte conotação testemunhal, é plenamente atual e pode servir de grande estímulo aos Grupos de Oração e a todos os membros da Renovação Carismática Católica, tanto para crescente abertura aos carismas quanto para a incidência transformadora na sociedade, cujos desafios, ligados às drogas, à bebida e outras não poucas mazelas sociais, só serão superados com a ação da graça de Deus”

(Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo de Belém do Pará e Assessor Eclesiástico da Renovação Carismática Católica do Brasil)

Adquira o livro “A Cruz e o Punhal” agora mesmo pela nossa loja virtual!

alt

 

O livro e o autor

O pastor David Wilkerson (1931-2011) começou seu ministério de evangelização enquanto jovem. Ao ler uma notícia publicada pela Revista Life acerca de menores infratores integrantes da gangue "Dragões" da cidade de Nova Iorque, David se sentiu impelido a iniciar um trabalho de evangelização a fim de combater osassassinatos cometidos pela gangue e para o resgate espiritual desses jovens infratores. O coração de David ficou cheio de compaixão por aqueles jovens e desejava ardentemente apresentar o evangelho de Cristo e transformar os jovens nova iorquinos pela evangelização, trabalho iniciado em meados de 1958, quando criou o Teen Challenge (Desafio Jovem).

David Wilkerson foi um dos pastores da Times Square Church, em Nova Iorque, conferencista e autor de vários livros.

O livro “A Cruz e o Punhal”, que virou filme, retrata o início do ministério de David nas violentas ruas de Nova Iorque. O livro é considerado um best-seller, com milhões de cópias publicadas em mais de 30 idiomas.No Brasil, o livro foi publicado pela editora Betânia e influenciou muitos cristãos brasileiros, no início da década de 70 a iniciarem um trabalho de recuperação com jovens viciados.

 

Noite de Divulgação

altO lançamento da edição especial do livro “A Cruz e o Punhal”, pela Editora RCCBRASIL, foi feito oficialmente pela presidente do Conselho Nacional da RCCBRASIL, Katia Roldi Zavaris, na noite do dia 28 de abril, durante o II Encontro Nacional de Coordenadores Diocesanos.

A presidente falou da importância do livro para a história do Movimento e acrescentou que essa edição foi feita com muita atenção às questões teológicas da fé católica. Reinaldo Beserra dos Reis, membro permanente do Conselho Nacional, partilhou com os presentes a experiência que teve com David Wilkerson em 1972, quando o pastor visitou o Brasil para pregar em um grande encontro de oração em Campinas (SP), “esse homem começou a falar e tocar o coração das pessoas, de repente, jovens começaram a jogar fora as drogas e mudaram de vida (...) Eu vi o poder com que Deus se servia desse homem”, partilhou. Reinaldo explanou sobre o contexto histórico do século XX, desde Elena Guerra, Leão XIII, Concílio Vaticano II e sobre o final de semana de Duquesne quando, em meio a necessidade da transformação espiritual da Igreja, em meados de 1967, alguns professores nos Estados Unidos, líderes  de grupos de estudos, se reuniram, estudaram o livro “A Cruz e o Punhal”, foram impactados com o conteúdo dessa obra e daí em diante, toda a história que se segue na história da RCC no mundo.

Reinaldo resumiu o livro como uma semente que produziu muitos frutos na vida da Igreja Católica, especialmente na vida do Movimento. “Ele está na raiz da nossa história, não foi nós que escolhemos isso, foi Deus quem escolheu”, destacou.

Você pode conferir tudo o que aconteceu nessa noite assistindo a transmissão online na página da RCCBRASIL no Facebook (assista agora).

A noite foi encerrada com um vídeo da sobre as declarações e pedidos do Papa Francisco ao Movimento para que viva o ecumenismo, relembrando sempre as suas origens. No vídeo, da 37ª Convocação da Renovação Carismática Católica, em junho de 2014 o papa pede à RCC que dê um testemunho de ecumenismo espiritual com todos os irmãos e irmãs de outras Igrejas e comunidades cristãs que creem em Jesus como Senhor e Salvador: “Que vocês permaneçam  unidos no amor que o Senhor Jesus  pede a nós e a todos os homens, na oração ao Espírito Santo para chegar a esta unidade, que é necessária para a evangelização, em nome de Jesus. Lembrem-se que a “Renovação Carismática é por sua própria natureza ecumênica … a Renovação Católica se alegra com aquilo que o Espírito Santo realiza em outras Igrejas”, disse o Santo Padre na ocasião.

Já nas celebrações do Jubileu de Ouro, no Circo Massimo, em Roma, o papa voltou a refletir com o Movimento sobre as necessidades da unidade entre os cristãos.“Hoje é mais urgente do que nunca a unidade dos cristãos, unidos por obra do Espírito Santo, na oração e na ação em prol dos mais débeis. Caminhar juntos, trabalhar juntos. Amar-nos. Amar-nos. E juntamente procurar explicar as diferenças, chegar a um acordo, mas a caminho! Se permanecermos parados, sem caminhar, nunca, nunca concordaremos. É assim, porque o Espírito nos quer a caminho” (Papa Francisco na Vigília de Pentecostes na celebração do jubileu de Ouro da RCC, junho de 2017).

Adquira o livro “A Cruz e o Punhal” agora mesmo pela nossa loja virtual!

alt

 

“Em 2017, a Renovação Carismática Católica comemorou seu Jubileu de Ouro em Roma com o Papa Francisco. Durante um de nossos encontros, tive a oportunidade de conversar com um bispo da Renovação Carismática da Polônia. Ele me lembrou de que uma parte da celebração do Jubileu no Antigo Testamento era retornar à sua própria terra. Ele disse também que pensava que nós na Renovação deveríamos retornar para nossa terra... para aquilo que havia desencadeado a Renovação no início. Aonde deveríamos ir, então? Para A Cruz e o Punhal! O bispo me disse que estava falando para as pessoas relerem este livro com fé viva no Deus vivo. Ele lançou a nós o desafio de retornarmos à oração intensa e procurarmos a face de Deus do mesmo modo como Wilkerson fez no início de sua missão. Eu voltei para casa e peguei esta velha, surrada e amarelada cópia do livro A Cruz e o Punhal. Enquanto lia, eu chorava! Eu chorei o tempo todo até chegar ao fim do livro! A graça de Deus está aqui neste testemunho de David Wilkerson”.

(Patti Gallagher Mansfield, no prefácio da edição especial da RCCBRASIL)

 

 

 

 

 

 

 


Leia mais sobre Editora RCCBRASIL